FamososPortugalRedes Sociais

Despedida emotiva de Luís Borges à mãe

A mãe adotiva de Luís Borges, Maria do Céu, perdeu a vida nesta terça feira, dia 9 de Julho, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, vítima de uma doença oncológica.

Nesta terça feira, o modelo deixou uma mensagem emotiva em despedida da mãe.
“Mãe, hoje despeço-me de ti com o coração super apertado. Partiu um pedaço de mim, tu partiste e sei que nunca mais te vou ter ao meu lado. Vou quebrar, mas só um bocadinho, porque tu me ensinaste-me a carregar o mundo às costas sozinho e a lutar pelo que queria. Sai de casa aos 19 anos num acto de rebeldia para te provar que os sonhos têm asas e que eu podia voar. Hoje foste tu que voaste para longe de mim! O cancro levou-te e foi rápido demais e eu achava que estava preparado mas não estava. Tinhamos as nossas diferenças mas é a ti que agradeço por tudo o que fizeste por mim e no homem que hoje eu sou .Deste o teu melhor e eu fico feliz por isso! Adorava tratar de ti, de te pintar o cabelo daquele loiro que tu tanto adoravas e dizer o que te ficava bem na hora de te vestires. Odiava o risco preto que usavas nos olhos porque parecia que estavas sempre borrada, hoje quis que fosses igual ao que sempre usaste e fiz questão de te vestir com uma das cores que mais amavas. Nestes últimos dias estavas a sofrer muito e eu fazia-me de forte cada vez que te ia ver. O meu coração doi, doi muito, mas quero que saibas que vais viver para sempre dentro dele. Estás junto da avó que é a minha estrela e agora passaram a ser duas. Não deixes de brilhar quando te pedir ajuda, e agora vais poder ver aí de cima o porquê de nem sempre conseguir te dizer o que se passava na minha vida. Vou cuidar do Pai, não te preocupes…eu só quero que descanses em Paz como mereces. Amo-te para sempre e desculpa todos os momentos em que te fiz chorar. Um beijo do teu filho Luis”. escreveu.

Ver esta publicação no Instagram

Mãe, hoje despeço-me de ti com o coração super apertado. Partiu um pedaço de mim, tu partiste e sei que nunca mais te vou ter ao meu lado. Vou quebrar, mas só um bocadinho, porque tu me ensinaste-me a carregar o mundo às costas sozinho e a lutar pelo que queria. Sai de casa aos 19 anos num acto de rebeldia para te provar que os sonhos têm asas e que eu podia voar. Hoje foste tu que voaste para longe de mim! O cancro levou-te e foi rápido demais e eu achava que estava preparado mas não estava. Tinhamos as nossas diferenças mas é a ti que agradeço por tudo o que fizeste por mim e no homem que hoje eu sou .Deste o teu melhor e eu fico feliz por isso! Adorava tratar de ti, de te pintar o cabelo daquele loiro que tu tanto adoravas e dizer o que te ficava bem na hora de te vestires. Odiava o risco preto que usavas nos olhos porque parecia que estavas sempre borrada, hoje quis que fosses igual ao que sempre usaste e fiz questão de te vestir com uma das cores que mais amavas. Nestes últimos dias estavas a sofrer muito e eu fazia-me de forte cada vez que te ia ver. O meu coração doi, doi muito, mas quero que saibas que vais viver para sempre dentro dele. Estás junto da avó que é a minha estrela e agora passaram a ser duas. Não deixes de brilhar quando te pedir ajuda, e agora vais poder ver aí de cima o porquê de nem sempre conseguir te dizer o que se passava na minha vida. Vou cuidar do Pai, não te preocupes…eu só quero que descanses em Paz como mereces. Amo-te para sempre e desculpa todos os momentos em que te fiz chorar. Um beijo do teu filho Luis. 💙🎇🍀

Uma publicação partilhada por Luis Borges (@luisborgesoficial) a

Gostou do Artigo ?

Deixe o seu comentário: