Famosos

João Baião emociona-se ao falar sobre a mãe: “A imagem de uma mãe no caixão não se esquece nunca…”

João Baião foi um dos convidados do programa da manhã da SIC, apresentado por Cristina Ferreira.

O apresentador esteve à conversa com Cristina e Cláudio Ramos, onde falou sobre a sua vida pessoal e profissional e atá falou dos acontecimentos mais marcantes da sua vida, como a morta da sua mãe, que aconteceu dia 7 de Outubro, dia antes do seu aniversário.

João Baião ainda explicou que o público não merecia o ver a sofrer e decidiu “não falhar”, tentando parecer o mais ‘feliz’ possível no primeiro programa após a perda da sua mãe. O mesmo confessou que na atura se sentia  “alegre mas desfeito por dentro”.

“Era pior se eu tivesse ficado em casa, porque a minha mãe tinha o maior orgulho em mim e gostava muito da minha alegria…”, começou por dizer.

Nesta época de Natal, o apresentador ainda confessa que fica ainda mais triste. “Eu vivia muito esta época pela família e com a família e não ajuda nada porque cada vez mais vais passando por fases da tua vida em que qualquer coisa te faz recordar… e a imagem de uma mãe num caixão é uma coisa que não se esquece nunca”, admitiu.

Mais para afrente, falou ainda que tinha uma boa relação com a mãe e que era muito próximo da mesma: “Neste ultimo mês da minha mãe, eu ia todos os dias visitá-la e enquanto ela estava consciente e dizia-lhe sempre: “mãe, tenho muito orgulho em si, amo-a muito e é uma mulher extraordinária” e ela houve uma vez que me disse: “dizes isso agora” e isso foi uma coisa … que me marcou porque eu devia ter dito mais mas não havia essa frontalidade, essa abertura…”, afirmou.

Gostou do Artigo ?

 

Deixe o seu comentário: