Famosos

Jornalista da TVI com coronavírus: “Está a ser a maior guerra da minha vida”

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias ao Minuto

Um jornalista desportivo da TVI24, Pedro Jorge da Cunha, recentemente assumiu que estava infectado com coronavírus, na sua crónica no site ‘Mais Futebol’.

De acordo com o mesmo, revelou que no ínicio teve sintomas ligeiros: “No início pareceu-me tudo benigno. Leves dores musculares, cansaço generalizado, peso na cabeça. Nada que o paracetamol não fosse capaz de resolver. De 16 a 18 de março, os sintomas não passaram disto. Fui aguentando, pensando que ‘a mim não acontece nada’ e que o dia a seguir seria melhor. Ou menos mau”.

Quatro dias após esses sintomas ligeiros, começou a ter arrepios e febre: “como se o alarme orgânico tivesse disparado e alertado o meu instinto de sobrevivência”.

“Nunca me senti tão quente, tão suado e ao mesmo tempo com tanto frio no meu corpo  (…) Perdemos completamente o olfato, ao ponto de deixarmos de pressentir as fraldas sujas dos nossos gémeos de dois anos e meio. Brutal, não? Ao quarto dia de febre recebi a visita de um médico. Receitou-me o paracetamol de sempre e um antibiótico (amoxicilina) para combater a infeção respiratória que identificara na auscultação. Céu, Ciência, amuletos da sorte e mezinhas das avós, a tudo nos agarrámos. Resultou. Principalmente a parte da Ciência, digo eu”, disse.

 

Jornalista da TVI com coronavírus: "Está a ser a maior guerra da minha vida"

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias ao Minuto