Famosos

Futebolista argentina fica famosa por se recusar a participar no minuto de silêncio em memória de El Pibe

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias ao Minuto

E numa altura que se multiplicam as homenagens em memória de Diego Armando Maradona, eis que uma jogador de futebol feminino espanhola fica MUNDIALMENTE famosa por se recusar a participar na homenagem a D10S. Provavelmente o que Paula Dapena, de 24 anos, queria era precisamente alguns minutos de fama, mas jamais terá imaginado a repercussão que o caso teve.

Tudo aconteceu no jogo entre Viajes Interrías FF, equipa onde alinha Dapena, e Deportivo da Coruña, num jogo de carácter amigável.

Ao contrário de todas as outras colegas, Paula sentou-se e virou as costas no momento da homenagem. No fim do jogo explicou a razão, garantido que as colegas já sabiam da sua decisão:

As minhas companheiras olhavam para mim e riam-se porque já sabiam que eu não ia participar na homenagem. Há poucos dias, no Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres não houve gestos destes e se não se fez um minuto de silêncio pelas vítimas, também não estou agora disposta a fazê-lo por um abusador. Disse logo que não ia participar num minuto de silêncio por um violador, pedófilo e abusador. Para seres um jogador, primeiro há que ser uma pessoa e ter valores, além das habilidades como as que ele tinha, que todos sabemos que eram qualidades futebolísticas espetaculares”.

Gostou do Artigo ?
Subscrever Notícias ao Minuto

Deixe o seu comentário: